Quarta-feira, 7 de Fevereiro de 2007

RESENDE, 1 - BESTEIROS, 1

            Estádio Municipal de Fornelos, em Resende.
            ÁRBITRO - António Silva, auxiliado por Carlos Silva (Bancada) e Luís Figueiredo (Peão) de Oliveira de Frades.
            RESENDE - Cardoso, Fonseca, Abelha (Rafael 63m), Bruno, Monteiro, Sequeira, Moreira, Teixeira (Cap.), Amaral (Adão 82m), Alexandre e Nuno.
            SUPELNTES NÃO UTILIZADOS - Marco, Tiago e Oliveira.
            DISCIPLINA - Cartão amarelo exibido a Teixeira, Monteiro, Amaral e Adão.
            TREINADOR - José Manuel Bernardo.
 
            BESTEIROS - Márcio, Daniel (Loureiro 7m), Pizarro, Sá, Marco Paulo, Jacinto, Vítor Bruno, Fábio (Pedro Vale 85m), João Paulo II (Edgar 79m), Zé Russo e Mário (Cap.).
            SUPLENTES NÃO UTILIZADOS - Luís Dias, Raul, Renato e Paulo Lourosa.
            DISCIPLINA - Cartão amarelo exibido a Fábio.
            TREINADOR - Carlos Miguel Pratas.
 
 
            Realizou-se no passado Domingo, no Estádio Municipal de Fornelos em Resende, o encontro que punha frente a frente os dois primeiros classificados da 2ª Divisão, respectivamente Resende e Besteiros.
            Com uma casa bem composta em termos de assistência e uma tarde razoável para a prática da modalidade, pensou-se que estavam encontrados todos os condimentos para se assistir a um bom jogo de futebol, apesar das reduzidas dimensões do campo, puro engano. Assistiu-se isso sim a um jogo aos repelões, com pontapés para o ar, passes falhados e uma enorme dureza por parte dos jogadores locais.
            A equipa da casa entrou de rompante e logo aos 5 minutos depois de uma falha da defesa Besteirense, podia ter inaugurado o marcador. De imediato é o Besteiros por intermédio de João Paulo II que remata à baliza do Resende sem resultados.
            A equipa da casa continuava a atacar e de livre leva de novo perigo à baliza de Márcio, valeu um colega que de cabeça afastou o perigo. À passagem do minuto 25 Fábio marca um livre, a bola tabela num jogador local e quase trai o guarda redes Cardoso, no entanto este bastante atento efectua uma extraordinária defesa. O jogo continua a desenrolar-se com oportunidades para ambos os lados e mais uma vez a equipa da casa por pouco não inaugura o marcador.
            Marcador esse que viria a funcionar aos 35 minutos por intermédio de Marco Paulo, após a marcação de um pontapé de canto por Fábio, fazendo o 1 a 0 para o Besteiros. A partir deste momento os jogadores do Resende que já anteriormente estavam a entrar duro sobre os jogadores do Besteiros, começaram a usar e abusar cada vez mais de tais entradas, sem que o árbitro do encontro tivesse a intervenção adequada.
            Zé Russo de livre remata à baliza dos locais, fraco e para as mãos do guarda redes. E o intervalo chegou com o resultado favorável à equipa do Vale de Besteiros por 1 bola a 0.
            A segunda metade começou como tinha acabado a primeira ou seja com a equipa da casa a pressionar à procura do prejuízo e nos minutos iniciais poderia mesmo ter empatado a partida. Mas a equipa forasteira bem estruturada continuava e defender o resultado e de quando em vez acerca-se da baliza contrária à procura do golo da tranquilidade e Vítor Bruno aos 63 minutos remata à baliza do Resende com algum perigo. Continuava-se a praticar um futebol pouco vistoso, porém as oportunidades continuavam a surgir para ambos os lados e aos 75 minutos Márcio faz uma excelente defesa a remate dum avançado local. Em contra ataque o Besteiros podia ter dilatado o marcador, mais uma vez o guarda redes local defende para canto. Aos 80 minutos após a marcação dum canto , Rafael que havia entrado a substituir Abelha, na área ajeita a bola com a mão e remata à baliza estabelecendo a igualdade.
            A partir do golo do empate a equipa da casa parte para cima do último reduto Besteirense à procura do golo da vitória, mas a defesa forasteira bem escalonada não deu qualquer hipótese e o resultado não se alterou até final. A divisão de pontos aceita-se de certa forma pelas oportunidades criadas, embora o golo do empate tenha sido obtido irregularmente, mas infelizmente assistimos a situações destas todas as semanas, o que já não nos surpreende.
            A equipa de arbitragem que veio de Oliveira de Frades, mostrou alguma descoordenação, principalmente com o auxiliar do lado do peão, tendo o chefe de equipa por diversas vezes corrigido os erros do seu auxiliar, disciplinarmente achamos que devia reprimir mais as entradas duras dos locais, no lance do golo do empate estamos em crer que não viu o jogador do Resende ajeitar a bola com a mão. No resto cumpriu.
            A equipa do Besteiros retoma o campeonato no próximo dia 25 do corrente, deslocando-se a Vale de Madeiros, para defrontar a equipa local.
            Vamos a Vale de Madeiros no dia 25 de Fevereiro apoiar o BESTEIROS.
 
 
                                                                                                      J.A.L.P.
             
           
 
 
No rescaldo do jogo Resende - Besteiros, ouvimos o treinador do Besteiros Miguel Pratas que fez as seguintes declarações:
 
Foi um jogo bem disputado e intenso. Não começámos bem o jogo, muito por culpa da pressão exercida pelo adversário, mas depois conseguimos corrigir as marcações equilibrar a partida. Chegámos ao golo no nosso melhor período e conseguimos aguentar a vantagem até ao intervalo.
No 2º tempo tudo na mesma, jogo muito disputado a meio-campo, com o Resende á procura da igualdade e a nossa equipa a defender muito bem, e a sair com algum perigo para o contra-ataque. O golo da igualdade é precedido de uma mão do atacante do Resende, mas paciência, o Sr. Árbitro não viu e sancionou o golo. Até final ainda foi o Besteiros atrás do golo através de lances de bola parada, mas já restava poucos minutos para o final e tornava-se cada vez mais difícil chegar à vitória.
              No final do jogo dei os parabéns aos meus jogadores pela maneira como lutaram em campo e dignificaram as camisolas do clube.
             Agora é pensar no jogo com o Vale de Madeiros e nos 3 pontos que vão estar em disputa. Já não há jogos fáceis, é ganhar jogo a jogo até ao final e esperar um deslize do adversário directo.
             Uma última palavra de agradecimento à Direcção do Besteiros pelo esforço que tem feito ao longo de toda a época e também aos sócios e simpatizantes que se deslocaram a Resende para dar o seu apoio á equipa, continuem a apoiar-nos.
Saudações Desportivas
                                                           Besteirosblogs
publicado por besteiros às 09:49
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
30
31


.posts recentes

. Voltámos!!!

. Posso?!!!

. Órgãos Sociais do B.F.C. ...

. Comentário do Treinador d...

. Resultados e Classificaçã...

. BESTEIROS, 4 - ABRAVESES,...

. Comentário do Treinador M...

. Resultados e Classificaçõ...

. BESTEIROS, 1 - SANTIAGO B...

. Rescaldo do jogo Besteiro...

.arquivos

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.favorito

. Besteiros F. C. disputa I...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds