Terça-feira, 6 de Março de 2007

BESTEIROS, O - CABANAS VIRIATO, O

CAMPEONATO DISTRITAL DA 2ª DIVISÃO
            Campo da Corte, em Campo de Besteiros.
            ARBITRO — Joel Portelada de Mortágua.
            BESTEIROS — Luis Dias, Daniel, Mário (Cap.), Sá, Marco Paulo, Jacinto, Pedro Pomar (Renato 86m), Fábio, João Paulo II (Edgar 60m)Zé Russo e Loureiro (Pizarro 75m).
            SUPLENTES NAO UTILIZADOS — Márcio, João Paulo 1, Raul e Pedro Lourosa.
            DISCIPLINA — Cartão amarelo para Mário, Jacinto e João Paulo II.
            TREINADOR — Carlos Miguel Pratas.
            CABANAS VIRIATO — Sobral, Gorrilhas, Campos (Cap.), Fernando, Daniel, Marco, Santos, Miguel (Tiago 92rn), Brâs (Milton 66m), Bruno (Loureiro 75m) e Lopes.
            SUPLENTES NAO UTILIZADOS — Pais, Gonçalo, António José e António Pereira.
            DISCIPLINA — Cartão amarelo para Fernando.
                                        Cartão vermelho exibido a Milton.
‘EMPATE COM SABOR A POUCO
            Com uma tarde bastante chuvosa mas mesmo assim com uma moldura humana acima do normal, defrontaram-se no campo da Corte o segundo e terceiro classificados do campeonato distrital da 2 divisão, respectivamente BESTEIROS e CABANAS DE VIRIATO.
            O Besteiros como lhe competia entrou com vontade de resolver cedo a contenda, porém o primeiro sinal de perigo foi dado pela equipa adversária aos 14 minutos por intermédio de Bruno. Dado este aviso a equipa do Besteiros começou a praticar o seu futebol e de imediato João Paulo II remata de primeira mas muito por cima da baliza de Sobral. A primeira grande oportunidade pertenceu ao Cabanas ao 20 minutos, após a marcação de um pontapé de canto, salvou na circunstância um defesa da casa.
            A partir deste momento , o Besteiros tentou de todas as formas o golo, no entanto umas vezes por falta de pontaria dos seus avançados, outras porque o guarda redes defendia, o resultado ia-se mantendo nulo. A passagem do minuto 45 a equipa forasteira leva bastante perigo à baliza de Luís Dias, porém o lance é anulado (e bem) por falta sobre o guardião da casa. E o intervalo chegou com o resultado em branco.
            A equipa do Besteiros entrou para a segunda metade como tinha feito na primeira ou seja à procura do golo e João Paulo II, por duas vezes e Jacinto rematam à baliza da equipa forasteira mas sem resultados práticos. Aos 53 minutos é Luís Dias que sai com determinação aos pés dum avançado do Cabanas negando desta forma o golo Mais cinco minutos volvidos e o mesmo Luís Dias muito atento faz uma excelente defesa para canto a remate de Miguel. No minuto imediato é Zé Russo que proporciona a Sobral uma boa defesa após a marcação de um livre, Aos 74 minutos de novo a baliza do Besteiros corre perigo, a bola vai às malhas laterais, para de seguida e novamente de livre a bola sair a rasar a trave da baliza forasteira. Quase a terminar o encontro é Fábio que proporciona ao guarda redes do Cabanas mais uma excelente intervenção. Em cima do minuto 90 Pizarro é travado em falta (aqui fica-nos a dúvida se a falta é cometida dentro ou fora da área o árbitro marca em cima da linha da grande área), na cobrança do livre Fábio marca para a área e um jogador do Besteiros não consegue de cabeça dar a melhor direcção ao esférico.
            Em tempo de compensação o Besteiros mais uma vez falha o golo na marcação de um pontapé livre em jeito de canto mais curto e com o resultado em branco terminou este encontro, que como disse é um empate que sabe a pouco pois pelas oportunidades desperdiçadas a haver um vencedor teria que ser a equipa da casa, mas por mais que tentassem a estrelinha da sorte não acompanhou os atletas do Besteiros neste Domingo chuvoso, fazendo-nos lembrar o jogo com o Vilacovense em que também com o tempo de chuva e nem que estivessem até hoje a jogar não conseguiam marcar qualquer golo que fosse.
            Sobre o trabalho da equipa de arbitragem que veio de Mortágua com um erro aqui outro ali, cumpriu.
No próximo Domingo o Besteiros desloca-se a Penalva do Castelo para defrontar a equipa do Roriz.
            Vamos acompanhar a equipa do Besteiros, para que com o nosso apoio consigam trazer os três pontos em disputa.
 
                                                                                             J.A.L.P.
           
 
Após um pequeno revés na caminhada do Besteiros, ouvimos o treinador Miguel Pratas:
O empate é injusto, fizemos tudo para ganhar este jogo. Praticámos bom futebol, só que falhámos no último passe, finalização. O Cabanas só defendia e saía a jogar em contra-ataque, não deixámos jogar o adversário. Fizemos boa circulação de bola e manutenção da mesma, tivemos o domínio completo da partida, mas futebol é isto mesmo, se calhar noutros dias a jogar menos bem ganhámos com mais facilidade e neste jogo isso não foi possível. Ficamos agora a 3 pontos do Resende, por isso tudo em aberto para estas 6 jornadas.
Como perspectiva a próxima jornada?
Para a semana em Roriz vamos conseguir os 3 pontos e fazer uma boa exibição, confio muito nos meus jogadores e neste grupo fantástico. Vamos acreditar até ao final. Venham apoiar o Besteiros a Roriz para trazer connosco os 3 pontos.
                                    Besteirosblogs
publicado por besteiros às 13:41
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
30
31


.posts recentes

. Voltámos!!!

. Posso?!!!

. Órgãos Sociais do B.F.C. ...

. Comentário do Treinador d...

. Resultados e Classificaçã...

. BESTEIROS, 4 - ABRAVESES,...

. Comentário do Treinador M...

. Resultados e Classificaçõ...

. BESTEIROS, 1 - SANTIAGO B...

. Rescaldo do jogo Besteiro...

.arquivos

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.favorito

. Besteiros F. C. disputa I...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds